Seguro fiança gratuito em Curitiba: como funciona

5/8/2020

A necessidade de atrair mais proprietários para aumentar o número de imóveis que administra para locação traz muitos desafios. Um dos principais diz respeito às garantias de aluguel, que exigem que os futuros inquilinos preencham uma série de requisitos para que seu cadastro seja aprovado. Para sanar esse problema, os imóveis agora têm uma solução: o seguro fiança gratuito em Curitiba.

A iniciativa tem o objetivo de facilitar as locações, aumentar as negociações das imobiliárias e diminuir a burocracia tão comum nesse tipo de contrato, garantindo a mesma segurança ao proprietário do imóvel e para a imobiliária.

Quer saber mais sobre o assunto e oferecer uma alternativa mais fácil e democrática para os clientes da sua imobiliária? Continue a leitura e conheça mais sobre o seguro fiança gratuito!

Por que optar pelo seguro fiança?

O seguro fiança é uma garantia locatícia prevista na Lei do Inquilinato (8245/91) e compreende a contratação de um seguro que garante ao proprietário o pagamento de aluguéis e encargos vencidos e não pagos pelo inquilino. Cobre, ainda, possíveis danos ao imóvel causado no período do contrato.

A vantagem do seguro fiança sobre as outras modalidades de garantia locatícia são inúmeras. Veja abaixo algumas delas.

 Pontualização

O primeiro benefício do seguro fiança que vamos citar é um dos mais importantes para os proprietários: a pontualização . Nessa modalidade  o dono imóvel recebe os pagamentos do aluguel e encargos,mesmo que não tenham sido quitados  pelo inquilino.

Isso porque não depende de ações judiciais, uma vez que os valores são pagos pela própria seguradora, deixando o inquilino responsável por quitar esses valores com a empresa.

No caso do fiador, por exemplo, é preciso enfrentar a burocracia de acionar a pessoa responsável e a justiça para possível penhora de bens.

O caução também pode ter o pagamento mais demorado, uma vez que o inquilino pode fazer alegações, justificar gastos com o imóvel, questionar vistoria e outros percalços na vigência do contrato.

Agilidade de contratação

Mais uma grande vantagem do seguro fiança é que a sua contratação é muito mais rápida do que a organização de documentos das demais garantias. Em geral, o seguro fiança só depende do inquilino apresentar os requisitos exigidos por cada seguradora e não precisa da participação de terceiros, como é o caso do fiador.

Para o proprietário, essa é uma vantagem e tanto. Isso porque  agiliza a locação do imóvel  e evita que a propriedade fique desocupada por muito tempo, o que pode resultar em deterioração do imóvel e possível queda de preço, além de rentabilizar o seu investimento.

Baixo comprometimento da renda do inquilino

Muitos inquilinos se queixam da burocracia das garantias locatícias e da necessidade de se comprovar renda muito além do valor do aluguel. A caução/título de capitalização, por exemplo, pode exigir depósitos que equivalem de  três a 10 meses do valor da locação, o que dificulta e até impede muitos contratos de serem assinados.

O seguro fiança não exige nenhum tipo de depósito inicial, tendo seu valor parcelado por até 60 meses. Isso tranquiliza o inquilino, que consegue se organizar financeiramente e cumprir com todas as suas obrigações na locação.

Para os proprietários, essa é mais uma vantagem: fica muito mais fácil encontrar interessados no imóvel disponível. As imobiliárias também conseguem captar mais imóveis para administrar.

Elimina a figura do fiador

A locação que usa um fiador como garantia é uma das que mais trazem problemas para imobiliárias e proprietários de imóveis. Depender de terceiros pode ser bastante complicado, uma vez que é preciso solicitar que alguém se responsabilize por possíveis dívidas que não lhe cabem.

Além do constrangimento do inquilino, que costuma evitar esse tipo de garantia, contar com um fiador dificulta os recebimentos de aluguéis vencidos e de pagamentos que cubram danos e problemas no imóvel.

Com o seguro fiança isso tudo fica a cargo da seguradora, que depois cobra o recebimento do garantido e deixa o proprietário tranquilo e sem prejuízos.

O que cobre o seguro fiança

 O seguro fiança tem como principal finalidade,  ressarcir o proprietário no caso de inadimplência do valor do aluguel e encargos, além da possibilidade da inclusão de outras coberturas.  Veja quais:

  • Condomínio e taxa de IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano): o seguro fiança cobre as taxas de condomínio e de impostos devidos pelo inquilino, uma vez que são de sua responsabilidade.
  • Danos ao imóvel: caso o inquilino devolva o imóvel com danos , o seguro cobre os gastos em até seis vezes o valor do aluguel vigente em contrato.
  • Pinturas internas e externas: imóveis que não sejam entregues nas mesmas condições de pintura nova,  após o término do contrato de locação, têm o valor coberto pelo seguro fiança.
  • Multa: caso o inquilino rescinda o contrato antes do tempo permitido e não realize o pagamento da multa, a seguradora arca com o valor para o proprietário.
  • Luz e água: proprietários de imóveis cujos inquilinos deixam conta de luz e água em aberto têm esse valor ressarcido pela seguradora.

Como você pode observar, o seguro fiança oferece uma série de vantagens  para o dono do imóvel. Isso faz com que as negociações sejam feitas de forma mais rápida e, de quebra, transmitem segurança para proprietários.

Algumas seguradoras incluem outros serviços, como manutenção durante o contrato e até seguro contra incêndio. Tudo depende do contrato e da necessidade de cada cliente.

Seguro fiança gratuito em Curitiba

Em geral, o seguro fiança é pago pelo inquilino, que tem valores parcelados em até 60 vezes. Embora isso seja extremamente vantajoso para o proprietário, isso pode afugentar interessados em locar um imóvel, uma vez que é mais um valor para ser retirado do orçamento.

Para ajudar as imobiliárias a fechar mais contratos, hoje existe o seguro fiança gratuito . Nesse caso, o prêmio do seguro é pago pelo proprietário que, embora tenha esse “investimento”, tem a certeza de receber seus pagamentos, mesmo que estejam em aberto, além de criar um diferencial na locação de seu imóvel. 

É uma forma de o proprietário investir no seu próprio patrimônio e evitar prejuízos até o final da vigência do contrato de locação.

Conte com CSI Seguros

A CSI Seguros tem 25 anos de experiência no setor imobiliário e é pioneira no seguro fiança gratuito em Curitiba. O objetivo é oferecer um atendimento ágil a imobiliárias e proprietários e contribuir para que ambos fechem mais negócios e alavanquem suas receitas.

Além disso, a CSI oferece diversas coberturas, que deixam o patrimônio muito mais seguro.

Quer saber mais sobre o seguro fiança gratuito em Curitiba? Entre em contato com a CSI e veja como podemos ajudar sua empresa!

POSTS RELACIONADOS

Entre em contato

Preencha o formulário abaixo e solicite mais informações sobre o produto do seu interesse:
Obrigada! Em breve entraremos em contato.
Algo deu errado durante o envio.
Por favor, verifique seus dados e tente novamente.